Arquivo de etiquetas: big data

Windows 10, novo Big Brother e como desabilitar o vazamento de informações

Aproveitando a grande onda do big data, a Microsoft veio com um Windows 10 representando bem essa idéia.

Tudo começou após eu atualizar do Windows 8 (que na minha opinião a Microsoft errou em querer forçar aquela interface estilo Windows Phone para os computadores) para o Windows 10 (que apesar de algumas lentidões, voltou com o querido “Menu Iniciar” e o Desktop).

Até então, tudo bem, estava convivendo e até que satisfeito com a mudança, até que um amigo que trabalha com segurança de informação me mandou um link que mostra a grande transmissão de informações que a Microsoft faz por “baixo dos panos” durante o uso do Windows 10.

Agora pode ter aquele grande dilema, eu me importo com isso ou não ? Se não estou fazendo nada de errado, qual o problema de eles monitorarem ? No meu caso o problema maior é o uso do meu tráfego para ficar enriquecendo o big data da Microsoft, nada contra o sucesso deles, mas acho desnecessário embutir isso no Sistema Operacional como “padrão”.

Mais sobre essa discussão ética, recomendo assistir: http://www.ted.com/talks/mikko_hypponen_how_the_nsa_betrayed_the_world_s_trust_time_to_act?language=pt-br

Retornando ao caso do Windows 10, abaixo o link do post fala sobre a transmissão de informações para a Microsoft: https://www.linkedin.com/pulse/o-windows-10-est%C3%A1-espionando-voc%C3%AA-antonio-carlos-pina

Em resumo:

  • toda informação é digitada, armazenada e enviada para a Microsoft a cada 30 minutos
  • Telemetria é enviada a cada 5 minutos
  • Se você digita um nome de filme na busca de arquivos (local), todos seus arquivos de mídia são indexados e enviados
  • quando sua Webcam é ativada, 35MB de informações são enviadas
  • Tudo que você diz ao microfone quando este está ligado é enviado
  • Se o Windows 10 fica sem uso por mais de 15 minutos, ele apresenta um tráfego de mais de 80MB

Agora como mitigar esses vazamentos:

  • Antes / Durante a instalação:
    Selecione a instalação Customizada e certifique-se de retirar todos os itens relacionados com compartilhamento de informação
  • Depois da Instalação:
    Acesse Configurações do Sistema > Configurações de Privacidade, desabilite tudo que você não utiliza.

    – Execute o prompt de comando (cmd) como Administrador e execute os seguintes comandos:
    sc delete DiagTrack
    sc delete dmwappushservice
    echo “” > C:\ProgramData\Microsoft\Diagnosis ETLLogsAutoLogger\AutoLogger-Diagtrack-Listener.et

    – Rode o editor de registros (regedit) como Administrador e altere a chave:
    HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFTWARE\Microsoft\Windows\CurrentVersion\Policies\DataCollection
    AllowTelemetry para 0

    – Execute o Windows PowerShell como Administrador e digite o seguinte:
    Get-AppxPackage -AllUsers | Remove-AppxPackage

    – Desabilite o Hybrid Sleep, abra o Prompt de Comando (cmd) como Administrador e digite:
    powercfg -h off

Existe também uma ferramenta desenvolvida em script AutoIT (https://www.autoitscript.com/site/autoit/downloads/) que automatiza esse processo, disponível em:
https://wiiare.in/windows-10-privacy-fixer/

As informações de remoção dos vazamentos que listei não estão na íntegra conforme as fontes que utilizei, listei apenas os passos que julguei que não apresentariam riscos ao sistema, mais informações, seguem as fontes:
https://www.reddit.com/r/conspiracy/comments/3fhy27/how_do_disable_all_privacy_leaks_in_windows_10/

https://www.reddit.com/r/Windows10/comments/3f38ed/guide_how_to_disable_data_logging_in_w10

E logo em seguida, o famoso Anti-virus AVR, caiu nessa também:

http://www.tecmundo.com.br/antivirus/86641-avg-muda-termos-vender-dados-navegacao-buscas.htm

Até a próxima.